ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Turistas desrespeitam ‘onda roxa’ e dão trabalho para a fiscalização durante feriado

05/04/2021 NOTÍCIA
   O trabalho de fiscalização e orientação da Defesa Civil e do Setransb foi exaustivo e repetitivo durante os quatro dias deste feriado prolongado. No Topo do Mundo, na Toca de Cima, na Serra do Rola Moça e na cachoeira da Jangada, o impedimento turístico com tapumes funcionou. Mas nos locais com apenas faixas proibitivas, como nas cachoeiras das Ostras, Usina e Marques, o desrespeito foi expressivo.   De acordo com Lucas Lara, coordenador da Defesa Civil, o fechamento da cachoeira das Ostras com tapumes é complicado, pois os visitantes acabam colocando os carros em frente às casas e seguindo a pé, impedindo o ir e vir dos moradores.   Como o município é extenso, o foco dos fiscais foi na região de Casa Branca, Palhano, Marques, Córrego Ferreira, Melo Franco, Piedade do Paraopeba e no entorno de Eixo-quebrado, onde estão as principais cachoeiras da cidade e pontos turísticos. De acordo com Ademir de Freitas, coordenador do Setransb, a equipe ainda participou da organização da vacinação ocorrida no Palhano. “Para dar conta da demanda, revezamos. O Setransb trabalhava até às 13h e a Defesa Civil a partir desse horário, ou vice-versa.”    Boa notícia – De acordo com Lucas Lara, durante todo o feriado não houve denúncias de festas clandestinas e houve colaboração dos bares. “Em Casa Branca foram feitas poucas autuações de comércios vendendo bebidas alcoólicas, mas no geral houve um respeito maior por parte dos comerciantes.